top of page

Menos álcool e mais água: as dicas para sobreviver à onda de calor extremo



A onda de calor que atinge o Brasil vai provocar altas temperaturas — na casa dos 40º C — ao longo da toda a semana, principalmente nas regiões Centro-Oeste e Sudeste.


É preciso aumentar a hidratação e redobrar cuidados para evitar problemas. Veja dicas e alertas do governo de São Paulo


Quais os cuidados?


Crianças e idosos podem ter mais problemas: Esses dois grupos podem ter dificuldade na regulação da temperatura do corpo. Crianças e idosos também não sentem tanta sede, aumentando risco de desidratação. É preciso oferecer a eles água e protegê-los da incidência do sol.


Cardíacos devem redobrar atenção: Pessoas com problemas cardíacos podem ficar mais propensas a infartos e acidente vascular cerebral (AVC), se a doença não estiver controlada.


Beba água: No calor, as pessoas suam mais e perdem substâncias que são importantes para a manutenção do organismo — o que pode levar a problemas renais. Bebidas geladas podem ajudar o corpo a se resfriar e são recomendadas.


Evite bebidas alcoólicas: Elas inibem a produção do hormônio antidiurético, o que causa efeito contrário: facilita a desidratação. Se optar por consumir, reveze com a ingestão de água.


Evite a exposição ao sol nos horários mais quentes: Sob altas temperaturas, o calor interno aumenta a vasodilatação e isso pode diminuir ainda mais a pressão e aumentar riscos de tonturas e desmaios.


Cuidado com os exercícios físicos: Atividades físicas podem ser feitas, mas devem ser evitadas nos horários mais quentes. Fazer exercícios produz calor, e isso pode gerar danos à saúde. Prefira horários de temperaturas mais amenas.


Prefira comidas leves e evite gorduras: Legumes, vegetais e frutas devem ser consumidos porque têm água na composição, o que auxilia na hidratação do corpo. Já alimentos mais pesados geram ainda mais calor.


Use roupas frescas e protetor solar: Prefira peças claras e de tecidos respiráveis. O uso de chapéu, boné, protetor solar e óculos de sol também é recomendado.


Fonte: https://www.uol.com.br/vivabem/noticias/redacao/2023/11/14/cuidados-com-a-saude-e-o-que-fazer-para-se-proteger-do-calor.htm

4 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page