Gestão de Tempo e Produtividade


A Gestão do tempo e produtividade são conceitos relacionados, pois a forma como o profissional organiza-se influencia diretamente os resultados produzidos por ele. Esse gerenciamento está relacionado ao controle do tempo disponível. A administração incorreta do tempo pode causar frustrações e cansaço excessivo.

Entretanto, o gerenciamento do tempo não é sobre planejar cada segundo do seu dia, mas sim, sobre otimizar o dia-a-dia. Dessa forma, também se considera como realizar um planejamento que ofereça resultados produtivos de uma forma que ofereça bem-estar. Visando também os pontos fortes e as prioridades dos profissionais.

Um planejamento bem estruturado gera produtividade, que nem sempre está relacionada à um alto número de horas trabalhadas, mas sim com os resultados gerados nessas horas.

Autoconhecimento é necessário para a gestão do tempo e produtividade

A gestão do tempo está relacionada ao saber controlar o tempo que levará para executar as tarefas. Isso necessita um maior planejamento, definir quanto tempo será destinado para determinada atividade e quando você a realizará.

Porém com um planejamento mal estruturado, o profissional pode não conseguir cumprir todos os itens e assim, se sentirá frustrado. Não é possível realizar a gestão do tempo sem ter autoconhecimento, ou seja, sem conhecer a sua capacidade produtiva.

Com um maior autoconhecimento é possível saber quais são os pontos em que você pode realmente melhorar. Assim como, o que deve ser feito para conseguir essas melhorias na sua produtividade.

O que é necessário saber sobre você mesmo para conseguir gerenciar o seu tempo?

Antes de planejar suas tarefas ou afirmar que você consegue realizar uma atividade dentro de tal prazo, é necessário ter atenção sobre suas capacidades:

· quantas páginas eu leio atentamente por minutos?

· quantas horas eu necessito de sono?

· em quantas horas/minutos a minha concentração diminui?

· quanto tempo eu demoro para executar as principais atividades do meu trabalho?

Além disso, é preciso conhecer suas habilidades cognitivas. É necessário refletir sobre conceitos como: eu sou uma pessoa multitarefas? Quais são minhas facilidades?


As diferentes capacidades humanas

Com o tempo, a ciência foi percebendo, através de pesquisas, que existem vários tipos de inteligência. Há um estudo chamado “inteligência interpessoal”, que foi criado por um pesquisador em Psicologia da Universidade de Havard, Howard Gardner.

Segundo Gardner, as pessoas não possuem somente uma forma de inteligência, mas várias. O pesquisador afirma que todas essas formas de cognição são importantes e têm ligações com a bagagem genética de cada um de nós, mas elas podem ser estimuladas.

A formas de inteligência são:

· Inteligência Linguística;

· Inteligência Lógica;

· Inteligência Motora;

· Inteligência Espacial;

· Inteligência Musical;

· Inteligência Interpessoal;

· Inteligência Intrapessoal.

O importante de saber quais são seus pontos fortes, é que dessa forma se pode realizar a gestão do tempo de maneira mais eficaz. Pois, sabemos o que conseguiremos realizar de forma rápida e fácil e o que demandará mais tempo.

FONTE:https://caetreinamentos.com.br/blog/produtividade/gestao-do-tempo-e-produtividade/

3 visualizações